Mico leão dourado

mico leão

Mico leão dourado 60×60 cm

Animal monógamo, uma vez formado o casal, mantém-se fiel. O recém-nascido não passa mais que quatro dias pendurado ao ventre materno. Depois disso, é o pai que o carrega, cuida dele, limpa-o e o penteia. A mãe só se aproxima na hora da mamada. Ele estende os braços e o pai lhe entrega o filhote, que mama durante uns quinze minutos. Mas, mesmo nessa hora, o pequeno não gosta que o pai se distancie.

Atualmente, resta apenas um único local de preservação deste animal: a Reserva Biológica de Poço das Antas, no estado do Rio de Janeiro, no Brasil, a qual compõe dois por cento do habitat original da espécie na mata atlântica da Região Sudeste do Brasil. Restam cerca de mil micos-leões-dourados no mundo, a metade dos quais em cativeiro.

Um assunto que ainda é um fator muito preocupante é a situação não só do Brasil, como do planeta em relação a extinção da fauna e da flora. As causas da extinção são as mais diversas como destruição de seu habitat ( na maioria das vezes causada pelo homem ), falta de alimento, fatores genéticos, dificuldade de reprodução, modificações em seu ambiente.

De uma maneira ou de outra temos a certeza que o grande culpado disso acontecer somos nós próprios, os seres humanos, e o mínimo que podemos fazer é tentar ajudar a preservar, tomarmos consciência e fazer com que outras pessoas tomem também.
Denunciar é o primeiro passo, por ai vemos muitas pessoas que de forma ilegal adquire todos os tipos de animais que vão de aves, mamíferos, répteis, invertebrados e outros. Muitas vezes esses animais são vendidos muito barato, eles sofrem muito em todo trajeto, desde quando tirados da natureza até chegarem a seu destino, com sorte chegam vivos, mas ainda assim a chance de sobreviverem é muito pouca. já que não estão em seu habitat de origem.

Um assunto que ainda é um fator muito preocupante é a situação não só do Brasil, como do planeta em relação a extinção da fauna e da flora. As causas da extinção são as mais diversas como destruição de seu habitat ( na maioria das vezes causada pelo homem ), falta de alimento, fatores genéticos, dificuldade de reprodução, modificações em seu ambiente.

De uma maneira ou de outra temos a certeza que o grande culpado disso acontecer somos nós próprios, os seres humanos, e o mínimo que podemos fazer é tentar ajudar a preservar, tomarmos consciência e fazer com que outras pessoas tomem também.
Denunciar é o primeiro passo, por ai vemos muitas pessoas que de forma ilegal adquire todos os tipos de animais que vão de aves, mamíferos, répteis, invertebrados e outros. Muitas vezes esses animais são vendidos muito barato, eles sofrem muito em todo trajeto, desde quando tirados da natureza até chegarem a seu destino, com sorte chegam vivos, mas ainda assim a chance de sobreviverem é muito pouca. já que não estão em seu habitat de origem.